CHRISTIANA GUINLE


Assim com interpreta textos para as artes cênicas, Christiana Guinle interpreta em suas fotos o feminino contemporâneo e sua complexidade, utilizando as ferramentas digitais em dispositivos móveis. Num processo intenso de pesquisa, seleciona imagens com as quais constrói as suas obras, suas histórias, histórias de mulheres sob seus arquétipos e papéis no passado, presente e futuro.

O alcance e reação do público a algumas das imagens publicadas on line chamou a atenção da artista e criou a necessidade de expor suas obras para o público brasileiro – sua página no Facebook possui usuários do Brasil além de países como África do Sul, Alemanha, Angola, Arábia Saudita, Austrália, China, Dinamarca, Estados Unidos, França, Holanda, Inglaterra, Japão, Portugal,Suécia, entre outros.

Seu trabalho impactar ao despertar nos indivíduos a consciência da alma feminina, tema principal da sua obra.

Em fusão com Andy Warhol, Pablo Picasso, Roy Litchtenstein, Salvador Dali, artistas de Street Art, Coco Chanel, Christian Dior, imagens artísticas e jornalísticas, e naturalmente referências cinematográficas e teatrais, Christiana Guinle constrói personagens que protagonizam os conflitos contemporâneos, as questões atuais do mundo. Impossível passar desapercebida a sensibilidade feminina em cada imagem: drama, sensualidade, ousadia, busca, dúvida, exploração, preconceitos.

A fotografia na estética de Christiana Guinle se transforma, se funde, se mixa com textos e histórias. O que se propõe apresentar: Mixed Arts, Collage, Montage, Blended ou Fusion? Apresentamos ARTE em diálogo com as sociedades, com o tempo, com o mundo da moda, com o mercado, com a sensualidade, com a economia: A Alma Feminina por Christiana Guinle.

Christiana Guinle, atriz com 30 anos de carreira, premiada nacional e internacionalmente por sua atuação e produção em cinema, teatro e televisão. Sua pesquisa e experimentos com as ferramentas de arte digital iniciaram-se há 8 anos, pela primeira vez mostra ao público a sua produção em arte digital.